A Perspectiva do Viajante

Laozi

Laozi

“Disse Jesus a seus discípulos: sede transeuntes” (O Evangelho de Tomé, Logion 42)

*

“Está neste mundo como se fosses um estrangeiro ou um viajante” (Muhammad – Hadiths)

*

“(…) Por isso o sábio, na jornada, não larga o peso da bagagem; embora tenha visões grandiosas, permanece calmo e transcendente” (Laozi, Dao De Jing)

*

O Viajante abre bem os olhos, para ver o que pode enxergar, abre bem os ouvidos, para ouvir o que pode escutar, deleita-se com os odores, os sabores, as sensações táteis. Mas não se prende a nada: flui. Trata com cordialidade os habitantes da terra, simpatiza com seu modo de vida, compadece-se de seus problemas, mas sabe que aquela vida não é sua vida, nem aqueles problemas são seus problemas. Não se apega a nada: vai.

*

Há três recomendações que convém ao Viajante adotar:

  1. Não carregar peso desnecessário na Mochila (depuração, leveza e prontidão);
  2. Não jogar água para fora da Bacia (parcimônia de pensamento, palavra e ação);
  3. Não deixar o Barco à deriva (manter a conexão e persistir no caminho).
Anúncios
Post anterior
Post seguinte
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: